Grossos fica na média estadual no IFGM, ranking que avalia os serviços prestados

O Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte (TCERN) divulgou os dados referentes ao Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IFGM) dos municípios. O resultado do levantamento é acerca de áreas de gestão estratégicas para finanças públicas: Educação, Saúde, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Proteção dos Cidadãos e Governança da Tecnologia da Informação.

Em resumo, o IFGM qualifica o desempenho dos serviços prestados pelos municípios. No índice, Grossos ficou entre a média estadual, obtendo nota 0,47 do máximo de 1,0. Destacando as áreas de saúde e educação, que obtiveram nota 0,59 e 0,56, respectivamente. Além de saúde e educação, foram avaliadas outras áreas que obtiveram as seguintes notas: planejamento 0,28; gestão fiscal, 0,56; meio ambiente, 0,38; cidade, 0,40; e tecnologia da informação, 0,33.

O ranking, além da nota, avalia os municípios através de faixa de A à C, sendo altamente efetiva e baixo nível de adequação. Nesse caso, o município de Grossos obteve nota C+ nas principais áreas do levantamento que são educação, saúde e gestão fiscal, a mesma nota obtida pelo Governo do Estado e por 80 municípios, sendo que nenhum recebeu nota A. A nota obtida por Grossos significa “em fase de adequação”, e retrata bem as mudanças que vem sendo realizadas pela gestão municipal nos últimos 04 anos.